Analisando os Conceitos de Estratégia e Tática no xadrez - Tabuleiro de Xadrez

Ir para o conteúdo

Menu principal:

Analisando os Conceitos de Estratégia e Tática no xadrez


A maioria das pessoas com pouco conhecimento em xadrez, os chamados leigos no assunto imaginam que a diferença de um enxadrista categorizado para um principiante reside na capacidade de "calcularem lances a frente", os leigos em xadrez também pensam que "jogar xadrez" é saber os movimentos corretos das peças, o que na verdade é simplesmente saber as regras do jogo de xadrez; jogar xadrez em alto nível é muito mais que saber os movimentos das peças e calcular lances "a frente".
É evidente que a habilidade de calcular variantes é necessária a todo enxadrista que deseje atingir um bom nível, mas a necessidade de calcular variantes é somente em determinadas posições (geralmente em posições com características táticas), em grande parte das posições é necessário ao enxadrista ter a habilidade de analisar o ´todo`da posição, isto é saber planejar a posição inter-relacionando as peças e suas posições no tabuleiro. A isto se denomina "o plano de jogo" ou o "Plano estratégico".

Estratégia no xadrez
é a definição de um plano global em função da posição apresentada com objetivos a longo prazo. E Tática é a realização dos movimentos corretos para atingir este plano global.

Vejamos a posição abaixo:

ECO D36
1.d4 d5; 2.c4 e6; 3.Cc3 Cf6; 4.cxd exd; 5.Bg5 Be7; 6.e3 c6

Aqui as Brancas tem as possibilidades estratégicas:

Opção 1 – avançar o peão de b2 a b5 provocando um enfraquecimento da estrutura de peões preto, esta estratégia é conhecida como Ataque de Minoria - recebe este nome devido as brancas terem um peão a menos na ala da dama (ver Smyslov x Keres – 1948).

Opção 2 - as brancas realizam o roque menor e avançam o peão de e4 para romper o centro e ganhar iniciativa (ver Roebuck,Cw x Bachet,H – 1938).

Opção 3 - as brancas realizam o roque maior e avançam o peão de e4 para romper o centro e ganhar iniciativa (ver Ivan Sokolov x Boensch,Uwe – 1999; Barrev,E x Rabiega,R – 2000).

Neste momento da partida cabe as brancas definirem qual vai ser a sua estratégia (escolha do plano), e em função da estratégia escolhida deverá definir a sua tática (sequência de movimentos).

Aqui já percebemos que estratégia tem muito a ver com a valorização da posição e elaboração de objetivos a longo prazo. Na valorização de uma posição devemos levar em conta fatores como: a atividade das peças no tabuleiro, a estrutura de peões, a posição segura do rei, o controle de casas chaves, diagonais, colunas, casas débeis, coordenação entre peças (em geral; os cavalos são melhores em posições fechadas e os bispos em posições abertas, o par de bispos são melhores que um bispo e cavalo), etc...

A estratégia está relacionada com o jogo posicional enquanto que Tática está relacionada com o jogo de combinação (golpes táticos).

Um dos primeiros usos do conceito “estratégia” ocorreu há aproximadamente 3.000 anos pelo estrategista chinês Sun Tzuo (A Arte da Guerra), que afirmava que: “todos os homens podem ver as táticas pelas quais eu conquisto, mas o que ninguém consegue ver é a estratégia a partir da qual grandes vitórias são obtidas”.

Então qual é a diferença entre tática e estratégia?

A estratégia pode ser compreendida como a escolha do melhor posicionamento das peças antes do confronto propriamente dito entre Brancas x Pretas, ou seja, a definição do lugar certo para as peças. A tática faz parte da implementação da estratégia definida, ou seja, fazer os movimentos corretos para atingir a estratégia escolhida.

Por que é importante Definir a estratégia?

Definindo uma estratégia, ela funcionará como um guia. Ela nos mostra a nossa posição e permite traçar a melhor trajetória para se chegar a uma determinada posição. Através da Estratégia sabemos onde queremos chegar, o caminho para alcançar esse lugar. Quando estamos em uma posição que não sabemos o que jogar é porque não temos uma estratégia definida.

O que é mais importante, a tática ou a estratégia?

Ambos são importantes. Porém, a eficácia da tática depende da estratégia que deu origem a ela.

Podemos dizer que a Estratégia depende do ´Raciocínio` e a Tática depende da ´Técnica`. Entendendo que raciocínio é a capacidade de valorizar uma posição usando o conhecimento pré-adquirido e a Técnica como a habilidade de se fazer movimentos na sequência correta.

Para compreendemos melhor vejamos algumas comparações entre estratégia e tática:

1) Jogadores com estilo de administradores (posicionais) preferem estratégias e jogadores com estilo de empreendedores (agressivos) preferem táticas.

2) Estratégia visa gerar oportunidades e táticas visam aproveitar oportunidades.

3) Estratégias contém táticas, mas táticas não contem estratégias.

No decorrer de um planejamento estratégico você buscará tática, por outro lado uma tática poderá levar a uma posição que faça rever a estratégia inicial, mas dificilmente fará com que ela seja totalmente descartada.

4) Estratégias primam pela eficiência e Tática procura pela eficácia.

Estratégia são as opções existentes em uma determinada posição onde deveremos fazer uma escolha do caminho a seguir objetivando ter uma vantagem (de qualidade, posicional ou de iniciativa), já a tática é uma oportunidade surgida da estratégia para obter o resultado (estratégia produz um efeito longo e tática produz um efeito imediato).

5) Estratégia é uma ferramenta de planejamento e tática é uma ferramenta de execução.

TIPOS DE ESTRATÉGIAS:

a) Fazer um ataque rápido no inicio do jogo para não dar tempo do inimigo preparar a defesa.
b) Definir focos de alvo na posição inimiga (ex: casa f7); dominar diagonais, casas centrais, colunas.
c) Definir uma formação; posicionamento de peças, realização de manobras.

TIPOS DE TÁTICAS:

- Duplo ataque direto
- Duplo ataque por descoberta
- raio-X
- a cravada
- peça sobrecarregada
- xeque descoberto, duplo
- a jogada intermediaria
- desviação
- destruição da defesa
- intercepção de linhas
- desajolamento de casa ou linhas

Resumindo:

Estratégia – é o planejamento total de um objetivo a ser atingido.

Tática – é a maneira como a estratégia será executada.

Bibliografia:

Estratégia Moderna do Xadrez – Ludek Pachman –Bestseller
Xadrez Básico – Dr. Orfeu G. Dágostini – Edições de Ouro
Mi Sistema – Aron Nimzowitch – Fundamentos / Aguilera

Celso Moron
Maio/2008
2017 - Todos os direitos reservados
Voltar para o conteúdo | Voltar para o Menu principal